Informação à População: COVID-19

Informação à População: COVID-19

08 abr 2020
foto

Face às medidas extraordinárias decretadas pelo Governo para responder à epidemia de Covid-19, o Município de Oeiras, reunido o seu Gabinete de Crise com as autoridades de saúde concelhias e regionais, decidiu suspender, com efeitos imediatos, até ao dia 31 de março:

- o funcionamento de todos os equipamentos culturais e de lazer de utilização pública (museus, galerias, centros de exposição, as visitas ao Palácio Marquês de Pombal, teatros, auditórios municipais, bibliotecas municipais)

- atividades em todos os equipamentos desportivos (pavilhões, piscinas municipais)

- as universidades sénior

- Espaço Jovem do Município

- funerais nos cemitérios restritos à família mais próxima

O acesso às praias fica também condicionado, sendo permitida a utilização só para passeio e não para permanência prolongada.

As atividades da Câmara Municipal vão ser reduzidas ao mínimo indispensável, respeitando o Plano de Contingência interno para o Município.

As audiências aos munícipes serão realizadas apenas a que verifiquem caráter de urgência, sendo as restantes reagendadas para data a indicar.

A Reunião de Câmara Municipal pública de 18 de março, passará a ser privada.

Até ao momento, segundo as autoridades de saúde local, estão ZERO CASOS confirmados de Covid-19 no território, estando embora alguns casos em observação.

O Município de Oeiras vai continuar a avaliar diariamente a evolução da situação e determinar o ajustamento das medidas seguindo, escrupulosamente, as orientações da DGS.

Esta é uma questão de saúde pública, pelo que importa encarar com serenidade a evolução da situação. Apenas seguindo as orientações das autoridades de saúde pública da República poderemos superar esta crise.

A Câmara Municipal de Oeiras prestará todas as informações necessárias sempre que se verificar alguma alteração, em consonância com as autoridades de saúde nacionais e concelhias.

Recomenda-se ainda a todos os munícipes que cumpram todas as precauções da DGS, no que concerne aos cuidados de higiene e contacto pessoais com os cuidados reservados que a situação impõe.

O Presidente da Câmara Municipal de Oeiras

Isaltino Morais