OeirasEu.pt promove participação e gestão eficiente

OeirasEu.pt promove participação e gestão eficiente

24 abr 2017
foto

O Município lançou, em março, em parceria com a NOS e a Universidade Nova de Lisboa, a plataforma online OeirasEu.pt. Tornar a gestão do concelho mais próxima do cidadão, ao disponibilizar a webapp 'O Meu Bairro' e facilitar, através do telemóvel, o acesso a serviços que já são disponibilizados na web, são os principais objetivos desta plataforma.

Recorde-se que a webapp 'O Meu Bairro', agora disponível em OeirasEu.pt, permite que qualquer pessoa que, a qualquer momento, identifique um problema num determinado local do concelho possa comunicá-lo a uma equipa que faz chegar essa informação aos serviços competentes da Autarquia.

Para o presidente da Câmara Municipal de Oeiras, esta plataforma – e particularmente a webapp 'O Meu Bairro' – deve funcionar como 'um canal de participação e cidadania para tornar Oeiras um lugar cada vez melhor para se viver'. Salienta Paulo Vistas que 'esta é também uma forma de reforçar o sentimento de pertença dos cidadãos a Oeiras e, simultaneamente, uma forma inteligente e eficiente de gerir a cidade'.

De cada vez que uma ocorrência é detetada é possível acompanhar a sua regularização em três estados diferentes: o verde significa que está resolvida, o laranja indica que está em análise e o vermelho mostra que o problema ainda não foi encaminhado. O objetivo é que a passagem de vermelho a verde seja cada vez mais célere, facto para o qual contribui a nova plataforma que permite a sinalização de cada ocorrência ao serviço competente pela sua resolução.

'Oeiras está nas melhores condições para se tornar um exemplo de cidade inteligente em Portugal', referiu, a este propósito, Manuel Ramalho Eanes, administrador executivo da NOS, parceira deste projeto.

A plataforma apresenta outras funcionalidades, como a compra de senhas de refeições escolares, o pagamento do estacionamento, o espaço cidadão, a Oeiras Beachcam e informação sobre os locais onde existe wifi gratuito.

'Este é um passo estruturante da transformação digital da cidade. Aliás, a informação que esta plataforma agrega é um laboratório vivo do que serão as novas cidades analíticas', considera Miguel de Castro Neto, da Nova Information Management School.

No futuro, através de OeirasEu.pt os cidadãos poderão aceder à agenda das sessões públicas de Câmara, aos serviços camarários, solicitar agendamentos do 'Oeiras Está Lá' ou da recolha de monos, entre outros.