Flor da Murta: História e Estórias de um Palácio

Flor da Murta: História e Estórias de um Palácio

06 jul 2017
  • Cultura
foto

‘Oeiras no Século XVIII – Flor da Murta: História e Estórias de um Palácio’ foi o título da exposição que contou a história do Palácio da Murta, importante peça do património de Oeiras localizado em Caxias. A mostra esteve patente de 26 de maio e 8 de junho.

Em paralelo com a exposição, organizada pela Câmara Municipal de Oeiras, a Oeiras Viva EM e a ADREP Caxias, palestras, recriação histórica, workshops de pintura e visitas guiadas completaram um programa dedicado a este tema.

A iniciativa remete para um período marcante para o concelho de Oeiras que aconteceu entre os reinados de D. José e o de D. João VI (1750 a 1830). Este período economicamente fulgurante concretiza-se com a construção de diversos palácios e quintas cujos expoentes máximos são a Quinta do Marquês e a Quinta Real de Caxias. Construído no século XVI, o Palácio da Terrugem – hoje conhecido como Palácio da Flor da Murta – foi remodelado, ampliado e tornado conhecido no século XVIII.